quarta-feira, 6 de maio de 2015

Gulosa






Gulosa...
É assim que sou.
Gostosa...
E assim dou.

Engolindo-te...
Sorvendo-te...
Gemendo...
Xingando...

Escorrendo o mel,
Em tuas mãos.
Fazendo escarcéu,
Tu és o meu tesão!




video

Um comentário:

pedro manela disse...

Bela poesia!!!
Muito tesão de uma fêmea